terça-feira, 1 de março de 2011

See u soon.

Hoje, falta pouco pra atravessar de volta.
Ou em partida... Porque hoje a Annanda é um pouco dividida... Sim, sou carioca da gema, cara.
Mas pode acreditar que tem pedaços meus em todos os cantos do mundo.
As últimas duas semanas foram as mais difíceis... Despedidas e uma sensação de término que sabemos que não existe, mas mesmo assim insiste em nos invadir e a proferir frases fatalistas, melancólicas e bla bla bla...
Não vai ser a mesma coisa, nunca é. Vai ser melhor!
O bairro alto não será mais o mesmo... Mas, veja ele já não é mesmo.
Nossos primeiros dias, miradouro, sangria, shorts e ninguém entendendo nada.
Nada acaba aqui e meus quase 24 anos já deveriam ter me ensinado isso... Mas, a verdade é que nesses dias queria agarrar quem me é querido e levá-los às unhas, dentro da bagagem.
Queria levar pra alguma ilha no meio do Oceano onde viveríamos a la Peter Pan algum conto de fadas.
Vivemos um conto de fadas!
Ontem, algumas dessas pessoas sentou comigo pra rir... Depois de seis meses conseguimos nos entender, paramos de rir uns dos outros e rimos juntos!
Espanhóis, Italianos, Turcos, Tchecos, Polacos e Brasileiros... Levo vocês nas coincidências, nos encontros, no riso que vou abrir quando lembrar das nossas histórias...
São coisas que serão só nossas! Que já são eternas!
Levo vocês na saudade que espero que vocês tenham aprendido o que realmente significa: Deixar ser inesquecível, lembrar com carinho, sorrir, fechar os olhos e mandar energias positivas... Independente da latitude.
Tenho no meu pulso infinitas pulseiras que os mais diferentes amigos me deram para lembrar-los... Eu tenho vocês no coração, isso o tempo não tira.
Trago vocês na palma das mãos, o que vocês mudaram na minha linha da vida.
Muita gente pode não perceber... Mas eu jamais serei a mesma.
Volto com quilos a mais em todos os sentidos, volto com quilos a mais de amigos, surpresas e amores.
Podemos não estar juntos na próxima temporada, mas não se iludam que eu não vá aparecer na sua casa em breve de férias, sorridente, falando alguma sacanagem, dormindo na sua cama, chamando sua mãe de tia, e perguntando o que tem pra jantar...
Mesmo diante de todas as impossibilidades, improbabilidades... A gente é quem a gente ama.

Erasmus Lisboa 2010/2011, Obrigada por terem feito meus dias mais coloridos!




3 comentários:

Marina Seijas disse...

aiii
annandinhaa!!
vou ter muitas saudades de voces, nao sabem canto...
falamos "via skype" cando chegue a Lisboa
mantemos o contacto

querovos muito
<3

Marina disse...

Quando as palavras vem do coração ficam muito mais bonitas.Parabéns pelo post acho que conseguiu descrever o que estamos sentindo nesse momento!!!

Te amo

Ana Vázquez disse...

:( ir embora nao faz parte do ERASMUS!!!